Sinesio Pontes Blog

Início » Política » Escalação de Dilma.

Escalação de Dilma.

Selecione a Categoria

Pouco a pouco estamos conhecendo a cara do governo Dilma. O PMDB quer dar as cartas e o PT não quer deixar barato.

Se há pouca renovação? Claro que não.

Para os descontentes, vai a minha “ordinária” pergunta. “Quem vocês queriam na esplanada. Serra, Aécio, Sérgio Guerra? Não.

Quem votou em Dilma, na verdade queria Lula. E em time que tá ganhando não se mexe. Estamos no aguardo para a confirmação de Fernando Ferro (clique aqui para ver) para o Meio Ambiente e Fernando B. Coelho para a Integração Nacional dois nomes escolhidos por Eduardo Campos.

Ter prestígio é outra coisa.

Extraído do G1

Dilma oficializa indicação de mais dez ministros

Entre os dez oficializados nesta quarta, estão cinco peemedebistas.
Dos outros cinco indicados, três são do PT e um do PR.

A assessoria da presidente eleita, Dilma Rousseff, oficializou nesta quarta-feira (8), por meio de nota, os nomes de mais dez ministros que integrarão o futuro governo.

Entre eles, estão cinco do PMDB:
– senador Edison Lobão (MA) será o ministro de Minas e Energia;
– Wagner Rossi (SP) continuará no Ministério da Agricultura;
– o deputado Pedro Novais (MA) comandará o Ministério do Turismo;
– o senador Garibaldi Alves (RN) vai para o Ministério da Previdência;
– e o ex-governador Moreira Franco (RJ) ocupará a Secretaria de Assuntos Estratégicos.

Os outros cinco ministros oficializados nesta quarta são:
– a senadora Ideli Salvatti (PT-SC), para o Ministério da Pesca;
– a deputada Maria do Rosário (PT-RS) para a Secretaria de Direitos Humanos;
– Paulo Bernardo (PT-PR), atual ministro do Planejamento, para o Ministério das Comunicações;
– Alfredo Nascimento (PR-AM) para o Ministério dos Transportes;
– e a jornalista Helena Chagas para a Secretaria de Comunicação Social.

A nota diz que Dilma “determinou a seus novos auxiliares que trabalhem de forma integrada com os demais setores do governo para dar cumprimento a seu programa de desenvolvimento com distribuição de renda e estabilidade econômica, assegurando a melhoria de vida de todos os brasileiros.”

Nesta quarta, Dilma esteve reunida na Granja do Torto com seis dos futuros ministros anunciados na noite desta quarta: Helena Chagas, Garibaldi Alves, Ideli Salvati, Alfredo Nascimento, Moreira Franco e Maria do Rosário.

Na última sexta (3), foram oficializadas as indicações do deputado Antonio Palocci (PT-SP), para a Casa Civil, do chefe de gabinete do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Gilberto Carvalho, para a Secretaria-Geral da Presidência e do deputado Eduardo Cardozo (PT-SP), para o Ministério da Justiça.

Os primeiros ministros anunciados por Dilma foram os da equipe econômica. O ministro da Fazenda, Guido Mantega, vai permanecer na pasta, enquanto a coordenadora do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), Miriam Belchior, comandará o Ministério do Planejamento. Já a presidência do Banco Central ficará com o diretor de Normas do BC, Alexandre Tombini.

“NOTA À IMPRENSA

A presidenta eleita da República, Dilma Rousseff, convidou novos ministros para integrar sua futura equipe de governo: a senadora Ideli Salvatti, que assumirá o Ministério da Pesca e Aquicultura; a deputada Maria do Rosário, que chefiará a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República; a jornalista Helena Chagas, para a chefia da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República; o atual ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, que será o titular do Ministério das Comunicações; o senador Garibaldi Alves, que assumirá o Ministério da Previdência Social; o senador Edison Lobão, que retornará ao Ministério de Minas e Energia; o deputado Pedro Novais, para o Ministério do Turismo; o ex-deputado Wagner Rossi, que deverá permanecer à frente do Ministério da Agricultura; o senador Alfredo Nascimento, que voltará ao comando do Ministério dos Transportes; e o ex-governador Moreira Franco, na chefia da Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República.

A presidenta eleita determinou a seus novos auxiliares que trabalhem de forma integrada com os demais setores do governo para dar cumprimento a seu programa de desenvolvimento com distribuição de renda e estabilidade econômica, assegurando a melhoria de vida de todos os brasileiros.

ASSESSORIA DE IMPRENSA DA PRESIDENTA ELEITA DILMA ROUSSEFF”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: